Camila Petribú

101 coisas em 1001 dias!

Em: A louca das listas!

Depois de levar umas boas rasteiras em 2016 (alô, fibromialgia!) e deixar alguns sonhos de lado, eis a meta para os próximos 1001 dias: completar as 101 coisas da minha To-Do List! Mas, claro, sem aquela autocobrança chata, ok? Vamos devagar, devagarzinho, zero ansiedade (z-e-r-o meeeesmo)!

A tag 101 coisas em 1001 dias é bem autoexplicativa: consiste numa listinha com 101 metas a serem alcançadas num prazo de 1001 dias, o que dá quase 3 anos! Entretanto, as metas precisam ser realistas, então, não vale colocar “comprar uma ilha e virar melhor amiga da Shakira”, tá?

Continue lendo “101 coisas em 1001 dias!”

Camila Petribú

Cagadas Fenomenais – Parte 2

Em: HA-HA-HA uma dose de alegria!

Todo mundo faz cocô, isso é fato. O problema é entender o porquê das pessoas criarem uma espécie de bloqueio ao falarem sobre o assunto. Eu assumo: amo falar sobre cocô, caganeira, afinal sempre me rendem boas histórias. Divirto-me horrores!

Tudo começa quando você é pequeno. Não. Pequeno ainda é muito grande. Começa quando você ainda é um bebê. Para os bebês, cagar não é problema, é solução. Basta chorar e dar aquela cagada (das mais meladas, molhadas, meio esverdeadas e fedidas mesmo!) e TODOS param o que estão fazendo para socorrê-lo. E, cá pra nós, atenção de pai e mãe é muito bom! Continue lendo “Cagadas Fenomenais – Parte 2”

Camila Petribú

#SWYouthRecife: tão novinhos e já empreendendo?

Em: Eventos, Que tal empreender?

Sabe a sensação de encontrar algo que te deixe muito feliz? Algo que te complete e que te faça querer acordar todos os dias com um sorriso no rosto? Sinto-me assim ao falar sobre o rebuliço que o Startup Weekend causou na minha vida. Encontrei, depois de anos de insatisfação comigo mesma, aquilo que me motiva: incentivar e ver os jovens por aí empreendendo, pensando fora da caixa, saindo da zona de conforto e revolucionando o mundo com ideias, até então, inimagináveis. É clichê, mas, se dizem que o futuro está em nossas mãos, o que eu puder fazer para que mais pessoas sejam impactadas pela experiência que o evento nos proporciona, eu farei e sem medir esforços.  Continue lendo “#SWYouthRecife: tão novinhos e já empreendendo?”